Compartilhar

Medir, Gerenciar e Criar Valor, é tornar a fidelização de clientes parte integrante da missão da sua empresa. Integrando sistemas de informação, criando valor superior, ou seja, transformando clientes satisfeitos em clientes fiéis.

Medir a fidelização faz-se necessário, como também o impacto dos sistemas de gestão do relacionamento com clientes na fidelização.

É mais fácil e barato manter do que conquistar novos clientes. As empresas brasileiras também têm constatado, na prática, que a manutenção de um público cativo possibilita retorno mais significativo e rápido.

Não se trata de abandonar a prospecção de novos negócios, o que é fundamental para qualquer empresa, de qualquer setor, em qualquer mercado, ao contrário, estratégias de fidelização baseadas no planejamento e na criatividade criam benefícios para o público que, além de manter estável a carteira de clientes, proporciona valor agregado às marcas da empresa, tornando-a forte, bem posicionada e ainda mais preparada para a prospecção.

Em outras palavras, um cliente satisfeito e fiel traz outro.

Quando o cliente é bem abordado, recebido e satisfeito, a sua memorização sobre aquilo que ele comprou o fará comprar novamente no mesmo lugar, e divulgar para os seus conhecidos sobre o ótimo produto e serviço que consumiu, essa é a diferença.

Entenda: satisfação não é sinônimo de Fidelidade

Fidelidade significa que estamos dispostos a sacrificar pelo menos por um tempo nossos interesses. Porque o sucesso da relação que se constrói a longo prazo é mais importante que qualquer benefício imediato.

A satisfação está estreitamente ligada a maneira como o consumidor se sente em determinado momento.

Medir satisfação é útil, mas não se deve transformar isso na ferramenta central.

Muitas vezes, pessoas que disseram estar satisfeitas com um produto, não voltaram a comprar porque acharam o de outra marca mais valioso.

Como medir Fidelidade?
Observando quantos clientes voltam a comprar e quantos compram mais, ano após ano.

Existem muitas maneiras de conhecer a conduta e as atitudes dos clientes, mas tudo depende do “feedback” que se queira obter. A internet é uma boa ferramenta, porque facilita o contato direto com os clientes.

O que faz um cliente recomprar o mesmo produto, no mesmo ponto de venda, infinitas vezes, se for necessário?
Resposta: conveniência.

Bem, os motivos pelos quais possamos recomprar produtos/serviços no mesmo ponto de venda, podem variar, mas sempre sabemos porque estamos recomprando.

Temos plena consciência de que gostamos do produto, sua qualidade nos satisfaz, o preço é justo, está sempre disponível, podemos pagar da forma que nos agrada, enfim tudo “perfeito”.

Conquistar a fidelidade de um cliente, é mais simples do que parece.

A fidelidade, é uma atitude consciente e natural por parte dos consumidores. Quando o cliente é bem abordado, recebido e satisfeito, a sua memorização sobre aquilo que ele comprou o fará comprar novamente no mesmo lugar, e divulgar para os seus conhecidos sobre o ótimo produto e serviço que consumiu, essa é a diferença.

Vou citar 4 exemplos que fazem a diferença para a fidelização do cliente.
1-Facilite o contato:
Como consumidor, é sempre muito ruim quando acontece algum problema e não conseguimos ser atendido. Então não podemos fazer com que o cliente também passe por isso. Existem vários meios de fazer com que o cliente possa se comunicar com a empresa, como contato pelo telefone, site, email, formulário para contato, é importante salientar essas informações para que problemas futuros não aconteçam.

2 – Surpreenda:
Sabemos que entregar mais do que o cliente espera, gera uma satisfação infinitamente maior do que se você tivesse entregado apenas aquilo que prometeu.
Para causar esse efeito aos consumidores é necessário traçar algumas estratégias como: Entregar o produto comprado antes da hora, entregar um brinde junto, algo que ele poderá usar junto com o que ele comprou, ou até mesmo um vale desconto para uma próxima compra ou serviço realizado.
Por mais que tudo isso gere um custo, caso o cliente volte, este custo será gerado em investimento de captação, e isto fará com que no final das contas o lucro seja bem maior, pois além de este cliente ser fiel a empresa, trará lucros e mais clientes.

3- Incentive o retorno:
Além dos cupons de desconto para o próximo serviço, os cartões de fidelidade têm se tornando comuns e cada vez mais atraentes ao olhar do cliente, pois isso faz com que o cliente tenha mais prazer em voltar à determinada empresa, pois sabe que ao final da cartela ganhará algum prêmio ou desconto e é claro que todo cliente gosta de um “descontinho”.

4- Tenha um controle:
É interessante realizar um cadastro de cada cliente, como nome, endereço e data de nascimento, para talvez enviar um e-mail ou presente de aniversário.
É importante saber quais clientes dão mais retorno, quanto já gastou, todas estas informações são necessárias para um bom planejamento estratégico.

Por fim, sabemos que um dos tópicos mais importantes para se fidelizar um cliente é o atendimento. E também a Make, que entrega para você, novos clientes todos os dias. Devemos investir pesado nesta ferramenta tão importante para o alcance do seu sucesso.

Vamos falar mais sobre isso, Clique aqui agora para se candidatar a uma consultoria gratuitamente.
Assim que abrir um horário na agenda do nosso time, entraremos em contato.

Andrey Assunção

Andrey Assunção

Andrey Assunção em Make Vendas
Eu e todo o time da Make Vendas acreditamos que qualquer micro e pequena empresa pode alavancar suas vendas em alta velocidade com uso de ferramentas e métodos simples e de fácil aplicação, que contribuam para o crescimento do seu faturamento e geram riqueza de forma sustentável aos seus proprietários e colaboradores envolvidos, com o único objetivo de realizarem seus maiores sonhos.
Andrey Assunção